“A cultura de consumo em Angola ainda carece de uma remodelação” - Plataforma Media

“A cultura de consumo em Angola ainda carece de uma remodelação”

Temos de encarar a poupança não como um luxo, mas como uma despesa. Se por exemplo a pessoa tem uma despesa com cinco itens, acrescenta o sexto (poupança), mas esse sexto deve ser o primeiro gasto

A nossa economia pouco funciona com base no crédito. Se há crédito, é sempre preferencial (por qualquer indicação ou porque o banco quer fazer). Como medir esse esforço do Governo no crédito habitacional?

O crédito normalmente funciona como um mecanismo de aquisição de recursos financeiros alheios, com o compromisso de reembolsar de forma parcelar o montante principal acrescido dos juros, em um prazo previamente determinado. Por outras palavras, o crédito é aquilo que seria a poupança futura de um agente, que está disponível hoje, através de uma instituição financeira como um banco por exemplo. Importa referir que se não houver poupança, dificilmente existirá crédito.

Mas, a economia angolana pouco funciona com base no crédito?

Devido a três factores, primeiro a taxa de juro de captação da poupança é muito baixa, em relação à taxa de juro de concessão, isto não atrai os agentes a pouparem e como consequência verifica-se forte escassez de oferta de crédito, desta forma, os créditos concedidos ficam associados a custos elevados. O segundo factor é referente ao risco sistemático e à alta taxa de incumprimentos de créditos, que pode ser consequência da forma como os tomadores de empréstimos são seleccionados. O terceiro factor tem a ver com o facto de os bancos reduzirem a importância das suas funções clássicas, que é a intermediação de recursos e dedicarem-se a outros negócios, como por exemplo o seguro.

Leia mais em Jornal de Angola

Artigos relacionados
EconomiaMacau

Mudanças no cartão de consumo de Macau

Brasil

Supermercados europeus retiram carne brasileira devido a desmatamento

ChinaLifestyle

Jovens aderem ao mercado de produtos em segunda mão

EconomiaMacau

Transferência bancária ou cartão de consumo

Assine nossa Newsletter